08 de abril de 2012

Olá, O Sol ainda atravessa o primeiro signo zodiacal, Áries. Para a Astrologia, mais um ciclo se iniciando. Como o ano civil começa antes (janeiro), ficamos meio atordoados entre qual calendário seguir. A dica é meditar sobre a natureza de cada um dos doze mini ciclos e aproveitar a essência de cada momento, fazer o certo na hora certa!

‘E naquela manhã, Deus compareceu ante Suas doze crianças e em cada uma delas plantou a semente da vida humana. Uma por uma, cada criança deu um passo à frente para receber o dom e a função que lhe cabia.

Para ti, ÁRIES, dou a primeira semente, para que tenhas honra de plantá-la. Para cada semente que plantares, mais outro milhão de sementes se multiplicará em suas mãos. Não terás tempo de ver a semente crescer, pois tudo o que plantares criará cada vez mais e mais para ser plantado. Tu serás o primeiro a penetrar o solo da mente humana levando Minha Idéia. Mas não cabe a ti alimentar e cuidar dessa idéia, nem questioná-la.

Tua vida é ação, e a única ação que te atribuo é dar o passo inicial para tornar os homens conscientes da Criação. Por este trabalho, Eu te concedo a virtude do Respeito por Si Mesmo”. Silenciosamente, ÁRIES retornou ao seu lugar.’

Martin Schulman

beijos, Nádia Oliveira

CÉU DO MOMENTO

A configuração celeste da semana traz como uma das principais novidades, a ação de Mercúrio que desde o meio da semana anterior está em seu chamado, movimento direto. Isto de uma maneira geral, melhora fluxos, comunicação, troca de idéias e até mesmo o trânsito – bem neste caso, não esperemos milagres, afinal nem Mercúrio para dar um jeito em um sistema caótico de trânsito como de São Paulo.

O ritmo acelerado dos dias, não encontrará em nós o ânimo esperado para tocar todos os compromissos que desejaríamos, precisaremos conviver com um certo desânimo e falta de vitalidade. Determinados processos que são naturalmente lentos, como por exemplo os burocráticos, não nos darão possibilidade de aceleração, se demorarem o tempo previsto, já será sorte.

O clima propicia novas amizades e relacionamentos afetivos, também a vida social fica mais agitada e trará boas oportunidades de diversão e entretenimento, vele a pena reservar um tempo para um cineminha com amigos,  um show e até mesmo um simples passeio. Cuidado para não esperar demais de quem você não conhece direito, cautela neste momento é recomendável.

Negócios financeiros e profissionais pedem uma atenção redobrada, não se trata de previsões difíceis, mas cautelosas, onde pequenos erros podem se tornar grandes problemas.

Procure se manter firme em seus propósitos, porém nada de exagerar nas brigas e enfrentamentos, foco no objetivo já será suficiente.

ÁRIES

CARACTERÍSTICAS GERAIS

É um signo de vigor e confiança. Seus atos são diretos e objetivos. Tem uma vigorosa afirmação através de suas atitudes, é pioneiro, rápido podemos dizer que é animado por um espírito explorador e competitivo natural. Quando este signo é proeminente em um mapa, temos uma irritabilitalidade e impaciência. Muita vezes sua rispidez podem tornar sua franqueza mal recebida. Se sobressai em empreendedorismo, liderança e forte dinamismo.

PERSONAGEM ARIANO

VAN GOGH

Vincent Van Gogh só foi reconhecido após sua morte. Em vida, passou fome, e várias dificuldades materiais além conflitos psíquicos sérios. Em vida vendeu apenas uma pintura : “O Vinhedo Vermelho”. Van Gogh é o maior expoente do pós-impressionismo, ao lado de Paul Gauguin e Paul Cézanne. Em 1888, ataca Gauguin com uma navalha e transtornado corta parte de sua própria orelha. Cada vez mais fica claro sua disfunção mental, com alucinações ocasionais. Sua saúde vai se deteriorando, mas ele continua pintando em ritmo frenético (quase um quadro por dia). No final de sua vida é tratado pelo médico Paul Gachet (Van Gogh pinta um importante quadro dele). Em 1890 atira contra seu peito, e morre em decorrência deste fato alguns dias depois. Seu caixão foi coberto com girassóis, flor que brilhantemente retratou. Van Gogh é um ariano, de Sol na Casa 10, casa da projeção social e carreira, mas está casa está sob regência do signo de Peixes, signo sensível e naturalmente inclinado a arte. Sua Lua-Júpiter no signo de Sagitário, é em parte responsável por crises e muitas oscilações emocionais. O ascendente em Câncer reforça ainda sua sensibilidade e uma visão altamente pessoal de tudo que o cercava, ele enxergava o mundo, com um forte e dramático viés emocional e isto podemos comprovar na autenticidade de sua obra. Um pintor de forte personalidade que viveu intensamente suas emoções, ou melhor pintou suas emoções.

Reflexões astrológicas

Sinastria: Podemos definir quem é a pessoa certa?

QUADRILHA

Carlos Drummond de Andrade

“João amava Teresa que amava Raimundo que amava Maria que amava Joaquim que amava Lili que não amava ninguém.

João foi para o Estados Unidos, Teresa para o convento, Raimundo morreu de desastre, Maria ficou para tia, Joaquim suicidou-se e Lili casou com J. Pinto Fernandes que não tinha entrado na história.”

Na poesia acima, Drummond faz uma ironia com a dificuldade de duas pessoas se relacionarem. Esta dificuldade, se dá no campo dos relacionamentos amorosos, mas não tão somente lá, nas amizades, nos ambientes profissionais e familiares, onde quer que encontremos pessoas, iremos nos deparar com as dificuldades inerentes da interrelação social.

Chamamos de sinastria, o estudo astrológico comparativo de dois mapas (pessoas). Podemos analisar relacionamentos de casais, pais e filhos, irmãos, sócios e amigos. Conforme os signos solares podemos analisar o nível de compatibilidade entre duas pessoas, mas obviamente se tivermos apenas os signos solares a visão é muito superficial do relacionamento, seja profissional ou afetivo.

Além das características solares (o chamado signo), temos que analisar as necessidades emocionais (lua), interação (Vênus), como pensamos e nos comunicamos (Mercúrio), nossa forma de ação e atração (Marte). Além disso, todo o mapa compõe dados de uma análise mais profunda e apropriada quando queremos ter compreender as várias facetas de um relacionamento.

Muitas vezes relacionamentos de sucesso se dão com personalidades aparentemente bem diferentes, mas onde obviamente existem pontos de coesão e entendimento, só a diferença não cria sustentação. Mesmo quando estamos decididos a amadurecer e crescer, é necessário que em algum nível estas pessoas “falem” algo em comum.

Através da análise da sinastria – que é a combinação de dois mapas astrológicos –podemos traçar o que cada indivíduo espera da relação, o que cada um traz de facilitações e obstáculos para um fluir mais harmonioso da relação. Algumas questões nos une a outras pessoas e outras questões nos afastam.

PONTOS FUNDAMENTAIS DE UMA SINASTRIA

–  Análise dos planetas pessoais de cada mapa e as compatibilidades deles presente nos dois mapas; – a casa 7, o regente e todos os planetas lá posicionados; – análise detalhada de Vênus-Marte; – interaspectos: aspectos que o mapa de “A” faz no mapa de “B” e vice-versa; – para completar, análise do mapa composto – que é o resultado da combinação dos dois mapas.

Relacionamentos são complicados! Discordamos até de pessoas iguais a nós. A sinastria é uma poderosa ferramenta astrológica para compreender e agir nas várias situações em que duas pessoas se relacionam. Um detalhe importante é que a Sinastria não dará resposta a uma pergunta que costumamos achar fundamental: “Qual o futuro da relação?” E isto é excelente, precisamos ter consciência que temos liberdade e autonomia sobre nossos relacionamentos.

Independente do grau de dificuldade que uma relação possa ter, depende sempre das pessoas envolvidas o bom prosseguimento, já que mesmo personalidades com muita afinidade podem romper por intolerância e mesmo atitudes infantis.

Aqui cabe uma última reflexão, a durabilidade e consistência de uma relação, de qualquer natureza, está associada na Astrologia ao planeta Saturno – o senhor do tempo. Este planeta tem como palavras chaves de interpretação astrológica: responsabilidade e maturidade. Uma relação, de qualquer natureza, precisa da expressão saturnina para se consolidar.

Nádia Oliveira

spacer

Leave a reply