06 de fevereiro de 2012

Olá, Segue mais um céu e neste trago novamente em pauta o tema do planeta Netuno que na semana passada ingressou no signo de Peixes.  Nos próximos anos viveremos ainda este posicionamento. E seguimos no mês de Sol em Aquário. Este é o signo que nos remete ao moderno, ou pelo menos o que não se acomoda as antigas estruturas e sente a necessidade do novo, é a luz da inovação! Sempre coloco que Aquário traz em si a questão do Clássico X Moderno já em sua dupla regência: Saturno e Urano. Aproveitemos esta passagem para avaliar como estão construídas as estruturas de nossa vida, e assim criar espaço para reformas e mudanças que se façam necessárias.

“Somos o que fazemos, mas somos, principalmente, o que fazemos para mudar o que somos”.

Eduardo Galeano

beijos e boa semana Nádia Oliveira

CÉU DO MOMENTO

No céu o Sol se encontra no signo de Aquário conjunto a Mercúrio. Facilitando a troca de idéias, pensamentos mais arrojados e projetos que envolvam inovação e um certo pioneirismo. Boa fase para quem precisa mergulhar nos estudos e nas pesquisas.

Bom para quem lida com a produção intelectual e também a produção artística. Isto deverá ficar ainda mais evidenciado nos próximo dias com a aproximação do planeta Vênus em relação a Urano. Novas amizades, novas posições e novas idéias! A vida encontra espaço para o inusitado.

Cuidado ao lidar com valores financeiros, o momento é de prejuízo. Todo negócio que envolve recursos materiais merece   atenção redobrada.

O clima estará bom para conquistas e romances novos, mas complicado e tenso para relacionamentos mais estáveis.

A Lua estará transitando entre os signos de Leão, Virgem e Libra. O que poderá provocar no começo da semana algumas desavenças mais acaloradas em especial quando passar pelo planeta Marte em Virgem e logo após começar a formar uma oposição com Vênus e Urano, isto deve acontecer de quinta-feira em diante.

Júpiter, planeta que na astrologia é associado com crescimento e expansão neste momento se encontra no signo de Touro fazendo bons aspectos com dois planetas de movimento bastante lento: Netuno e Plutão. Pode trazer a realização de grandes projetos. Também é representa um bom facilitador das questões espirituais. Mas ainda permanece o cuidado com a tensão Júpiter-Saturno, ainda exigindo de nossas ações muito cuidado e senso de responsabilidade.

O SIGNO DE AQUÁRIO

O símbolo normalmente usado para o signo de Aquário é o aguadeiro, o portador de água. Apesar de ser o portador da água, este signo é classicado como signo do elemento Ar e sendo assim  está associado a clareza, lucidez e movimento. Neste signo encontramos a condição de estender aos outros o que possuir, nisso podemos pensar no conhecimento e na interação de idéias. Muitas vezes o aquariano se mostra despretensioso e até indiferente a ostentação (é oposto a Leão), mas quando se trata de mente e independência de ideias se torna um feroz adversário. Não são sutis e fazem questão de “por o dedo na ferida”, não hesitam em expor suas idéias independente de como serão recebidas, por isso sempre estão cercados em polêmicas.

Tem uma forte inclinação para idéias e atitudes que fujam do padrão, e que muitas vezes podem ser ousadas. Junte-se a isto ser um signo fixo e temos uma mente tremendamente capaz, mas rígida e obstinada em seus propósitos.

A regência de Saturno favorece sua objetividade, desapego e moderação. Em Aquário as posições mais egóicas são repelidas em busca de conceitos mais igualitários e humanísticos. A visão aquariana é assim, ampla e em bases mais sociais e coletivas.

Normalmente os aquarianos são chamados de idealistas e se pautam em rígidos padrões morais e éticos, importante a se destacar é que seguem o que acreditam ser certo, independente de quanto chocam as suas idéias e seu modo de vida.

É um dos signos mais racionais do zodíaco. Como todo signo do Ar é dotado de charme, graça e capacidade de atração. Costumam ser agradáveis e simpáticos, mas não diplomáticos como Libra ou excessivamente simpático com Gêmeos, são mais contidos e seletivos (afinal são filhos de Saturno e Urano). Mas como seus amigos do ar, separam de maneira literal razão de emoção. O que não significa que entendam muito bem o campo emocional, aliás ao contrário, quando invadem este lado, costumam se perder em compreensões lógicas e racionais que pouco nos ajudam a lidar com esta área tão subjetiva e abstrata em nós humanos, que são nossas emoções.

Normalmente justos e imparciais, costumam transmitir confiabilidade em seus atos.

Apesar de sociáveis são discretos e isolados quando se trata de questões mais íntimas. Demonstram pouca familiaridade e uma certa frieza nas relações pessoais. Os sentimentos e as emoções passam por um filtro de moderação e controle e raramente se deixam levar de maneira intensa e arrebatada. Destacam-se naturalmente em profissões e áreas onde seu senso lógico e idéias progressistas encontram espaço, como: ensino, filosofia, mídia, ciência e direito. Aquário com seus dois regentes, Saturno e Urano, equilibra o velho e o novo.

NETUNO EM PEIXES

Na semana que se celebra o Dia da Nossa Senhora  dos Navegantes e Iemanjá, duas importantes imagens religiosas em nosso país, o Deus dos Mares mitológico, ingressa, ou melhor mergulha no signo de Peixes.  Netuno leva aproximadamente 164 anos para fazer uma revolução, isto significa em torno de 14 anos atravessando cada um dos signos do zodíaco. Na Astrologia, estes longos movimentos são analisados como um pano de fundo (cenário) que nos envolverá enquanto humanidade nos próximos anos.

Fontana de Trevi, Roma

Dados astrológicos:
Netuno – regente moderno do signo de Peixes 5/4 de 2011 – ingressou em Peixes 3/6 de 2011 – movimento retrógrado 6/9 de 2011 – ainda em movimento retrógrado voltou para o signo de aquário 10/11 de 2011 – movimento direto no signo de Aquário 4/2/2012 – ingressa definitivo no signo de Peixes

Na Astrologia Netuno está associado a dissoluções, inspiração artística, esperança, idealismo, caridade, hospitais, fraudes, confusões, embriaguez, inconsciente, inconsciente coletivo, flutuações, sonhos, ilusões, fantasias, fenômenos psíquicos e espirituais e idealismo.

Por quais caminhos andaremos com esta passagem pelo signo de Peixes? Novas revoluções idealistas? Ampliação do uso de drogas? Questões de tolerância ou intolerância religiosa? A reforma protestante aconteceu em um período de Netuno em Peixes, Marx publica seu Manifesto Comunista e Darwin “A origem das espécies” também com este mesmo posicionamento astrológico. Com Netuno em Peixes é como se os fatos  acontecessem em onda, uma força aparentemente invísivel que vai ganhando as massas e quebrando obstáculos. É um novo conjunto de ideais e condições. As condições ruins podem se agravar, e assim as ações e reações devem ganhar força. Ideais políticos, religiosos e altruístas tendem a crescer, bem como vozes messiânicas ganhar maior proporção. É uma corrosão invisível. O mundo invisível: mercado, bolsas, economia, política, religião etc podem mergulhar no caos. E coloquemos ainda neste caldo a indústria de medicamentos e o mundo das drogas legais e ilegais.

Em 3 de outubro de 2011, publiquei aqui no céu da semana, um texto tratando deste assunto, indico novamente a leitura dele, trata-se de um paralelo que tracei entre esta entrada e uma das mais belas histórias mitológicas: Odisséia. Veja aqui.

O que podemos esperar?

Com Netuno em Peixes podemos aguardar a ação de muitos nevoeiros. Netuno na Astrologia é o mestre da confusão, da subjetividade, da fantasia, do sonho e do delírio. Nos traz percepções sutis, uma consciência transcendental, mas pode também enganos e desvios complicados.

Bem-vindos a Netuno em Peixes!

Netuno em Peixes  nos permitirá um mergulho na unidade que formamos no planeta, quem sabe nos auxiliará a um aumento da consciência coletiva. Peixes é um signo relacionado ao sacrifício, por isso podemos esperar dificuldades grandes a serem enfrentadas em um sentido global, em um mundo globalizado, os problemas também o são.

No campo científico podemos esperar um avanço de tecnologias principalmente aquelas envolvidas com medicina e saúde. Também as artes deverão ganhar ênfase com este posicionamento. A economia e a política podem representar fortes problemas: trata-se de uma visão meio apocalíptica, tipo cuidado com falsos messias, promessas de líderes que parecerão verdadeiros milagres! Estaremos mais sujeitos a seguir estes líderes como cardumes obedientes.

A necessidade espiritual e religiosa cresce, mas com ela o fascínio de messias, líderes e visões proféticas aqui também tendem a ocorrer.

Estes primeiros anos dessa passagem de Netuno por Peixes, ganham ingredientes fortes com Saturno em Escorpião, Urano em Áries e Plutão em Capricórnio, estes três últimos são posicionamentos muito fortes e conflituosos e Netuno em Peixes pode ser o tempero que faltava para aumentar a confusão.

Meu conselho, é seguirmos o exemplo de Ulisses em sua Odisséia: mantermos o sonho da terra firme em nossa mente – Ítaca. Isto significa que mesmo diante de um mar tortusoso e uma viagem com tormentas, devemos manter nosso objetivo claro na mente, que são nossos valores, nossa ética e nossos reais compromissos.

Vale a pena relembrar o filme Odisséia, que em uma de suas mais importantes cenas, nosso herói Ulisses arrasado e humilhado resolve entregar suas forças ao seu até então inimigo, Poseidon-Netuno, o deus dos mares, segue o seguinte diálogo:

“Ulisses: Poseidon, Poseidon! O que você quer? Poseidon! O que você quer de mim?

Poseidon- Netuno: Eu quero que você sofra muito mais!

Ulisses: Eu não tenho mais nada. Não tenho nada! Só restou a minha vida.

Poseidon-Netuno: O meu propósito não é te matar. Você deve compreender.

Ulisses: O que? O que? O que você quer de mim? O que você quer que eu compreenda? Fale comigo!Fale comigo!

Poseidon-Netuno: Que sem os deuses o homem não é nada.

Ulisses então é resgatado pelo faécios e levado de volta a Ítaca onde conclui:

Ulisses – Foram os faécios que me levaram de volta a Ítaca, mas foi Poseidon quem permitiu que eu seguisse minha jornada, para que pensasse em suas palavras. E compreendi que eu era apenas um homem no mundo. Nada mais e nada menos.”

Poseidon na Odisséia, representa as forças invisíveis que estão acima do homem, ou além de seu poder. Ulisses por sua vez, representa, o homem, orgulhoso de sua condição, mas arrogante diante de qualquer força externa a ele. Precisamos aprender a ouvir e ver o que está além de nossos limitados sentidos e respeitar a natureza, ou como nosso herói, aprenderemos pela dor e pelas perdas.

PERSONAGEM AQUARIANO

Brecht

Do rio que tudo arrasta se diz que é violento. Mas ninguém diz violentas As margens que o comprimem.

Brecht

Brecht é um ótimo exemplo de aquariano, sua obra é recheada de mensagens divulgando suas idéias revolucionárias. Nasceu no dia 10 de fevereiro de 1898 na Alemanha. Atuou como dramaturgo e poeta. Viveu a opressão das idéias nazistas e foi muito influenciado pelas idéias socialistas, quando Hitler foi eleito, acabou se exilando em vários países: Áustria, Suiça, Dinamarca, Finlândia, Suécia, Inglaterra, Rússia e finalmente Estados Unidos. Enquanto isso seus livros eram queimados e proibidos na Alemanha.

Seu mapa traz além do rebelde sol em Aquário, tem como Ascendente o signo de Sagitário, o que reforça em sua personalidade a luta que empenhou por colocar em destaque suas idéias políticas e sociais. Um pensador que não teve receio de expor o que acreditava em sua vasta obra, como podemos perceber em um dos seus mais conhecidos poemas: Perguntas De Um Trabalhador Que Lê

Quem construiu a Tebas de sete portas? Nos livros estão nomes de reis. Arrastaram eles os blocos de pedras? E a Babilônia várias vezes destruída – quem a reconstruiu tantas vezes? Em que casas da Lima dourada moravam os construtores? Para onde foram os pedreiros, na noite em que a Muralha da China ficou pronta? A grande Roma está cheia de arcos do triunfo. Quem os ergueu? Sobre quem triunfaram os Césares? A decantada Bizâncio tinha somente palácios para seus habitantes? Mesmo na lendária Atlântida, os que se afogavam gritavam por seus escravos na noite em que o mar a tragou.

O jovem Alexandre conquistou a Índia. Sozinho? César bateu os gauleses. Não levava sequer um cozinheiro? Filipe da Espanha chorou quando sua Armada naufragou. Ninguém mais chorou? Frederico II venceu a Guerra dos Sete Anos. Quem venceu além dele?

Cada página uma vitória. Quem cozinhava o banquete? A cada dez anos um grande homem. Quem pagava a conta? Tantas histórias. Tantas questões.

spacer

One comment on “06 de fevereiro de 2012

  1. Poema Querubin

    Oi Nádia,
    Adorei o post. O texto de Netuno em Peixes relacionando com a Odisséia está inspirado!

    Beijos

Leave a reply