02 de janeiro de 2012

Olá,  

Este é nosso primeiro contato do ano!!! Ainda na ressaca das festas e das chuvas do final de ano, cá estamos nós!

Trouxe neste céu, as previsões semanais: afinal, já retomamos a vida real. Não é? Além disso, convido a uma reflexão sobre um tema que temos sido bombardeados nos últimos anos: 2012 – o que este ano nos reserva?

Trago um panorama geral dos principais posicionamentos astrológicos para este ano: Saturno, Júpiter e Netuno ingressam em novos signos e trazem com isso novos ares!

E para finalizar uma pequena homenagem aos capricornianos do mês, um poeta de primeira linha: João Cabral de Melo Neto.

E para começar bem, já seguem suas palavras, palavras saturninas, mas com João Cabral aprendemos  como Saturno faz poesia:

“…E não há melhor resposta que o espetáculo da vida: vê-la desfiar seu fio, que também se chama vida, ver a fábrica que ela mesma, teimosamente, se fabrica, vê-la brotar como há pouco em nova vida explodida; mesmo quando é assim pequena a explosão, como a ocorrida; mesmo quando é uma explosão como a de há pouco, franzina; mesmo quando é a explosão de uma vida severina.”

Morte e Vida Severina – João Cabral de Melo Neto

beijos e boa semana,

Nádia Oliveira  

CÉU DO MOMENTO

Os primeiros dias do ano devem carregar uma certa tensão, pela conjunção ainda presente do Sol com Plutão atravessando o signo de Capricórnio.

 Assuntos importantes deverão ser por estes dias resolvidos. Pessoas influentes e poderosas deverão cruzar nosso caminho.

Boa fase para alavancar um projeto importante. Seus planos poderão realmente dar certo, sonhos se concretizam, mas é importante entender e respeitar o tempo e a própria situação, seu erro pode ser o exagero a ansiedade.

Tome cuidado com as palavras, confusão e mal entendido irão surpreeendê-lo. Atenção nos negócios que envolvam compra e venda, assuntos burocráticos e assinaturas de contratos, tudo pode dar mais trabalho do que era aguardado.

A fase é boa para fazer novos amigos, conhecer novos assuntos e frequentar lugares diferentes. Também é um momento propício para a vida amorosa, mas procure respeitar a liberdade da outra pessoa, cobranças excessivas não serão bem aceitas. E desculpas não serão compreendidas.

Sol em Capricórnio nos inspira ao trabalho, mesmo ocorrendo em um período onde muitos de nós está de férias. Mas, a disposição e resistência capricorniana pode ser um forte auxílio na resolução de nossos problemas do dia-a-dia. Saturno regente do signo de Capricórnio, está em Libra, o que é uma ótima posição, pois cria as condições que precisamos à nossa volta: estabelece negociações, acertos e compromissos. Está em mau aspecto com Júpiter, exigindo mais cuidado e seriedade do que o normal e mais do que gostaríamos de ter nesse momento, mas para compensar também forma um bom aspecto com Netuno, o que cria condições reais de bons resultados e nos auxilia a desenvolver idéias inspiradas que  ajudam a resolver questões e problemas que  deparamos no dia-a-dia.

 

Enfim chegou 2012

 – devemos temer?

Nos últimos anos temos sido bombardeados por profecias de que 2012 será um ano de mudanças grandiosas e muitos falam até de fim dos tempos, se você olhar no Google encontrará mais de  2 milhões de entradas para este assunto.

São filmes, sites, revistas e livros que discutem a possibilidade de uma catástrofe, geralmente baseados em algum tipo de indício científico: inversão dos pólos magnéticos, posicionamento da Terra em relação ao centro da galáxia, explosões vulcânicas avassaladoras etc.

Bem,  sabemos que  tudo no universo que  habitamos  tem uma história de nascimento e morte. E talvez esta compreensão tenha causado no homem, em todas as eras, um medo de um fim apocalíptico.

O homem se transforma cada vez mais em uma máquina destruidora, afinal já temos tecnologia pra acabar com tudo e mandar o planeta para os ares! No século passado, vivíamos com a sombra de uma terceira guerra mundial, com bombas atômicas podendo ser usadas a qualquer hora etc. Atualmente não se discute tanto o assunto,  continuamos com essa sombra,  mas nem se compara com a paranóia dos tempos de guerra fria. Mudou-se o problema, mas não o medo: continuamos a temer o futuro.

Um dos motivos é  porque convivemos com a idéia da própria finitude de nossos corpos, ao mesmo tempo que sabemos por mitos e crenças da imortalidade. Como os semi-deuses gregos nos sentimos entre o céu e a terra, vivendo a mortalidade e desejando a imortalidade. 

Em outros tempos Deus castigaria os homens por seus maus hábitos, vícios e devassidão, como em Sodoma e Gomorra. E hoje? Buscamos na ciência a possibilidade de um novo tipo de punição: tratamos mal o planeta, devastamos áreas verdes, matamos os animais e nossas cidades aquecem impetuosamente o planeta. A ciência aponta o óbvio, que são os riscos diante de nós. Não é o castigo de Deus, nem a natureza se vingando de nós, apenas nosso real aprendizado se dando no hoje.
 
 Boa parte das teorias que cercam 2012 se referem aos maias. Este povo possuía um preciso calendário, e em algumas inscrições arqueológicas encontradas aparece um calendário que se encerrara no ano 13 Baktun, o que seria o equivalente a 21 de dezembro de 2012. Mas, dizem os especialistas da cultura maia, que eles contavam o tempo através de ciclos. Desta maneira  não se trata  do fim dos tempos e sim do fim de um ciclo maia.
 
 Os povos ameríndios não tinham apenas uma concepção linear de tempo, que permitisse pensar num fim absoluto“, diz Eduardo Natalino dos Santos, professor de história da América Pré-hispânica da USP, ele continua dizendo que  “em nenhum lugar se diz que o ciclo que estamos vivendo seria o último.”
 
 A Astrologia lida com a previsão de fatos, e algumas vezes sou questionada sobre as profecias atualmente em questão,  posso dizer que 2012, não apresenta nenhum quadro  fora do comum para poder referendar e apoiar qualquer teoria mais apocalíptica.
Acredito que 2012, será um ano de profundas transformações, mas como foram tantos outros: como foi 1917, com as mudanças na Rússia que tiveram repercussão globalizada ou em  1929 com uma mudança sócio-econômica mundial ou as guerras mundiais ou 1989 com a queda do muro de Berlim ou mais recentemente, 11 de setembro de 1001 com o ataque às Torre Gêmeas.  Poderia  aqui citar outras datas, mas o ponto que quero chegar é que todos os anos são cercados de mudanças, alguns com mudanças mais pronunciadas e outros menos, afinal  nosso planeta, assim como nós, está sempre mudando, sempre se transformando.

A pergunta que podemos nos fazer é: vamos nos transformar no que? E a resposta aqui é uma construção ao mesmo tempo individual e coletiva.

 

O céu em 2012

 principais posicionamentos astrológicos 

JÚPITER

Júpiter atravessa o signo de Touro e já começa o ano em  movimento direto  (ufa, desde 25.12.2011 –  presente de Natal dos céus!). Em 11 de junho de 2012 ingressa no signo de Gêmeos.

Zeus, Hermitage, St. Petersburgo

Janeiro a abril de 2012 – trígono com Plutão
Janeiro a fevereiro de 2012 – sextil com Netuno Janeiro a fev de 2012 – oposição com Saturno Março e julho de 2012 – trígono com Marte Junho e julho de 2012 – quadratura com Netuno Julho de 2012 – sextil com Urano Outubro de 2012 – oposição com Marte A partir de dezembro de 2012 –sextil com Urano

Júpiter é um planeta que se relaciona com crescimento e expansão. Estando em Touro questões materiais estarão na ordem do dia. É preciso buscar alternativas práticas para a resolução das situações. Tudo fica exagerado com a ação jupiteriana, podemos extrapolar em compras e gastos e o cuidado é para não haver dispersão de valores! Mas se houver bons aspectos com nosso mapa, podemos crescer muito e adquirir  segurança e conforto.

Com o ingresso em Gêmeos, se espera um maior dinamismo. Também se abrirão oportunidades diversas e um grande desenvolvimento no campo dos pensamentos, intelecto e estudos. Planejamentos e grandes idéias não irão faltar, mas o cuidado com Júpiter é sempre o mesmo, atenção para não se  perder em tantas idéias estimulantes que aparecerão ao mesmo tempo.

Vale destacar que em meados de março haverá uma conjunção entre Vênus e Júpiter (acontece anualmente) e traz boas oportunidades, já que ambos são planetas chamados tradicionalmente de benfeitores ou benéficos. A atual oposição entre Júpiter e Saturno, nos remete a uma real necessidade de consumir o justo, os excessos “saírão caro”.

 

SATURNO

Saturno está em Libra e deve entrar em movimento retrógrado de fevereiro a junho de 2012. Isso pode provocar lentidões, impasses e a necessidade de buscar sempre uma negociação para a resolução das questões. Quando retorna ao movimento direto, as situações passam a ter novamente seu caminhar natural.

LeBrun e Monaldi

Janeiro a abril de 2012 trígono com Netuno
Janeiro a fevereiro de 2012 – oposição com Júpiter Agosto de 2012 – conjunção com Marte Agosto a dezembro de 2012 – trígono com Netuno Outubro a dezembro de 2012 – sextil com Plutão Novembro de 2012 – sextil com Marte O ingresso de Saturno em Escorpião será em outubro de 2012.

Um momento importante é a conjunção com Marte em agosto, onde podemos esperar ações firmes e decisivas, seguramente  não serão rápidas, mas sólidas e definitivas. Bom para firmar acordos e parcerias.

A partir do ingresso de Saturno em Escorpião, teremos um aprofundamento das questões tornando tudo mais sério e relevante. Podemos encontrar a solução para resolver nossos problemas, mas se envolver tensões em nossos mapas, deverá haver um acirramento das crises. Aqui vale um cuidado, já estamos vivenciando uma crise econômica de escala mundial, quando Saturno ingressar em Escorpião poderá haver uma acentuação desta crise. Este ciclo é de cerca de 2 anos.

URANO

Urano  transita pelo signo de Áries. Impondo nas áreas que influencia em nosso mapa: dinamismo, nervosismo, tensão, originalidade e criatividade.

Janeiro a dezembro de 2012– quadratura com Plutão Janeiro de 2012 – oposição com Marte Julho de 2012 – sextil com Júpiter  Julho de 2012 – oposição com Marte Outubro de 2012 – sextil com Marte Novembro de 2012 – quadrado com Marte A partir de dezembro de 2012 – sextil com Júpiter

O sextil que acontece no meio do ano entre Urano e Júpiter deve dar um dinamismo fora do normal. Nesta fase poderemos contar com uma elevação de ânimo e oportunidades. Efervescência de movimentos populares.

Mas o aspecto mais complicado de Urano,  é a quadratura formada com Plutão, que literalmente nos tira do eixo e promete um ano ainda com altos e baixos, sem muita zona de conforto e tranqüilidade.

NETUNO

Netuno ingressa no signo de Peixes em 04 de fevereiro de 2012. Netuno se relaciona com dissoluções, esperança, ilusão, fantasias, sonhos e idealismo e no signo de Peixes estas características estarão bastante reforçadas.
 

Fontana de Trevi, Roma

Janeiro a fevereiro de 2012 – sextil com Júpiter
Março a maio de 2012 – oposição com marte Junho e julho de 2012 – quadratura com Júpiter Agosto a dezembro de 2012 – trígono com Saturno Agosto de 2012 – trígono com Marte Outubro de 2012 – quadrado com Marte Novembro de 2012 – sextil com Marte    Este será com certeza um dos temas principais do ano, devido a lentidão deste planeta em sua trajetória no zodíaco. Para ler mais sobre o assunto: Netuno em Peixes – um barco a deriva

 PLUTÃO

Plutão transita pelo signo de Capricórnio  e ainda se encontra em seus primeiros graus.

Janeiro a dezembro de 2012– quadratura com Urano

Janeiro a abril de 2012 – trígono com Júpiter Março a maio de 2012 – trigono marte Julho de 2012 – quadratura marte Setembro de 2012 – sextil marte Outubro a dezembro de 2012 – sextil com Saturno Novembro a dezembro de 2012 – conjunção Marte  

Aqui vale a mesma observação feita quando tratei  de Urano, a quadratura formada entre estes dois planetas é um dos aspectos mais tensos e fortes do ano. Rupturas e agitações estarão presentes.

Ressalto ainda os aspectos no céu envolvendo Marte e Plutão que podem representar verdadeiros estopins de acontecimentos. 

 

PERSONAGEM

signo de capricórnio

JOÃO CABRAL DE MELO NETO

João Cabral de Melo Neto nasceu na cidade de Recife – PE, no dia 09 de janeiro de 1920. Um dos autores/poetas mais importantes do país. Trabalhou como diplomata em diversos países mas sua obra tem uma profunda relação com sua terra e suas raizes nordestinas e pernambucanas. Foi agraciado com inúmeros prêmios nacionais e internacionais.  

 
 
 

mapa sem horário

 
João Cabral é criativo, mas muito reservado: além de Sol em Capricórnio possuia a Lua e Saturno conjuntos no signo de Virgem, estes aspectos também reforçam seu grande rigor no trabalho.
 
Uma linguagem criativa e precisa, com bons aspectos entre Mercúrio com Lua-Saturno e com Urano. E um belíssimo aspecto entre Júpiter e Netuno e este comVênus, acentua sensibilidade e inspiração.
 
Assim, talvez pudessemos definir João Cabral, um homem de aparência sisuda e de poucos amigos, com uma alma delicada e inspirada presente nos maiores/melhores poetas. Para encerrar este céu trago  duas vezes o poeta através de uma belíssima poesia e depois ele recitando um de seus mais famosos versos: Vida e Morte Severina. Neste poema, João Cabral trata de um tema, especialmente atual, onde se diz preocupado não fim do mundo e sim com o fim do sonho:

O FIM DO MUNDO

” No fim de um mundo melancólico os homens lêem jornais. Homens indiferentes a comer laranjas que ardem como o sol.

Me deram uma maçã para lembrar a morte. Sei que cidades telegrafam pedindo querosene. O véu que olhei voar caiu no deserto.

O poema final ninguém escreverá desse mundo particular de doze horas. Em vez de juízo final a mim me preocupa o sonho final.”

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=8_uWP-XJlQk[/youtube] 

 
 
spacer

Leave a reply